Portabilidade de Empréstimo ou Renegociar por juros mais baratos

Portabilidade para renegociar a dívida para um juro mais barato ou trocar a dívida de banco para uma taxa mais atrativa. Confira as cicas para um crédito melhor

A Portabilidade de empréstimo, Portabilidade de consignado, Portabilidade de crédito para reduzir dívidas ou simplesmente pegar um troco em novas operações de empréstimos ou financiamentos que possuem juros mais caros trocando-as por operações com juros mais baratos tem se tornado muito comum entre os servidores de órgãos públicos, aposentados e pensionistas em geral.

Por que a Portabilidade é ideal? Vale muito a pena quando o mutuário que realizou um consignado ou empréstimo bancário a mais de 12 meses atrás compara as taxas antigas com os juros aplicados no momento e descobre que existe um grande diferença ou, por que o mutuário detesta o banco credor atual e quer mudar por inúmeros motivos. Vale lembrar que não são todos os clientes que conseguem taxas mais atraentes, a taxa mínima é normalmente concedida para clientes com histórico de crédito irreparável e por isso oferece ao credor um risco de crédito muito menor.

Quer renegociar sua dívida para um juro mais barato, trocar a dívida de banco para uma taxa mais atrativa? Então, faça a portabilidade do seu consignado ou do seu empréstimo em andamento. Mas não fique pensando que a Portabilidade é uma operação simples entre instituições, o processo é um pouco complexo e deve-se observar que pode demorar até 30 dias até a conclusão além claro que você entender que realmente é vantajoso concluir a mudança.

Confira 7 Dicas para fazer um empréstimo legal.

1 -) Compare a taxa de juros antiga com atual em vários bancos;
2 -) Faça uma projeção de custos, despesas e diferenças de taxas;
3 -) Saiba exatamente quantas prestações faltam e qual o valor do saldo;
4 -) Questione ao seu banco quanto fica para fazer a quitação à vista;
5 -) Não olhe apenas para a taxa de juro, analise o Custo Efetivo Total (CET), nele consta todos os custos;
6 -) Compare usando sempre o mesmo valor de empréstimo e igual número de prestações;
7 -) Portabilidade de empréstimo bancário ou consignado, se for fazer, atenção – a instituição não pode impor nenhuma condição para realizar a migração da dívida para outra instituição, a transferência de dívida é isenta de taxas quem paga elas são os bancos portadores.

Nos últimos meses os maiores bancos públicos, bancos privados e financeiras baixaram tanto a taxa de juro máxima quanto a taxa de juro mínima, para novos clientes com certeza será vantajoso e serão beneficiados, mas como fica os clientes com taxas mais altas com financiamentos feitos a tempos atrás – será que é uma boa brigar por novas taxas para baixar os juros?

Veja o vídeo realizado pela Exame:

Para saber mais sobre Portabilidade de consignado ligue no 11 – 2626-7829 e fale com um dos consultores da www.shoppingcred.com

2 comentários - Faça um comentário

Comente aqui !